quinta-feira, 28 de agosto de 2008

Dia de plantar


Ontem foi dia de plantar árvores. Dez novas mudas estão morando na praça agora, a metade delas frutíferas. As mudas estavam aqui em casa, protegidas do vento enquanto cresciam, e agora vão ter que enfrentar o vento, que hoje foi forte.

Plantei dois abacateiros, uma nespereira, uma amoreira, um jambolão e cinco aroeiras. Afinal, esta é a Praça das Aroeiras!

abacateiro

amoreira

nespereira

jambolão

Fiz, ao redor de cada muda, uma espécie de bacia para que a água acumule e não se esparrame pela areia.



Depois cobri com resto da vegetação seca, pra manter a umidade e coloquei adubo npk, porque a areia precisa de uma "ajudinha".



Depois, coloquei água, com delicadeza, pra não desmanchar a bacia nem fazer buraco na areia.




Por fim, ripa de madeira para marcar o local e servir de tutor.



A Brisa, sempre companheira, acompanhou todo o trabalho.



Pra terminar o dia proveitoso, o pôr do sol na praça. Hoje tem previsão de chuva, o que deve fazer bem para as mudinhas.

3 comentários:

Igor Terres disse...

Boa, Beti!

Ainda vamos ver essa praça cheia de árvores! Mais do que há agora, o que já é bastante.

Mas sabe como é o ser humano né, sempre querendo mais... Quando voltar continuo dando uma força!

Rita Copetti de Queiroz disse...

A brisa dentro do buraco praticamente! eehehe!

Essas eram as mudas que estavam ali no nosso pequeno viveiro? Bahhhhhh!

bjoca!

Beti Copetti disse...

Algums, poucas, das mudas do nosso viveiro. Esperando o Igor pra plantar mais!